Carregando...

O Estado Islâmico decapitou outro jornalista americano e o fizeram afirmar que sua morte era “o preço a pagar” pelas ações dos EUA. Assista o vídeo.

Como na morte de James Foley, Steven Joel Sotloff leu um texto no qual culpava o governo dos EUA por sua morte e o vídeo segue o mesmo padrão, sendo inclusive intitulado “Uma segunda mensagem para os EUA”.

O jornalista de 31 anos trabalhava como colaborador para as revistas  ‘Time’ e ‘Foreign Policy’ e foi visto pela ultima vez em agosto de 2013 na Síria.

Os radicais advertem no fim do vídeo que a próxima execução pode ser a do executivo britânico David Cawthorne Haines, também em poder do Estado Islâmico.

Aviso! As imagens a seguir podem ferir sua sensibilidade!

Elisandro

Recomendados para você:

Comentar com o Facebook

Comentários...